A Phoma do Cafeeiro – Como ela Prejudica a Lavoura de Café

Publicado em Tags , ,

A produção de café é um tarefa árdua e que demanda cuidados para garantir que a produção aconteça da maneira esperada. Por ser uma cultura agrícola, o café está sujeito a problemas causados pelo clima, pela falta de nutrientes no solo, pelo ataque de fungos, entre outros. Todos esses problemas podem afetar a produtividade, a qualidade e o valor de comercialização do café. Para o produtor isso traz um efeito negativo para o seu faturamento. Já para o consumidor, o problema pode vir atrelado ao desafio de manter a qualidade oferecida. 

Nesse post vamos falar sobre a Phoma, uma doença causada por um fungo que ataca o cafeeiro.

 

A Phoma

A mancha de phoma é uma doença fúngica que pode causar grandes prejuízos na produção dos cafeicultores. O fungo tem facilidade de propagação em regiões com altitude elevada, ventos frios e alta umidade. O ataque do fungo pode causar danos em folhas, flores, chumbinho, ramos e frutos. Esse ataque prejudica a produção da safra corrente e subsequente.

A mancha de phoma já ganhou muita notoriedade no meio de pesquisa. O seu controle e prevenção é muito importante devido a alta capacidade de disseminação e dificuldade de atender as solicitações de controle periódico. 

O gênero Phoma ssp corresponde a diversas espécies do fungo, mas estudos apontam a maior ocorrência das espécies Phoma tarda e Phoma costarricensis (Salgado et al).

Problemas Causados na Produção de Café

A enfermidade causa danos em diversos tecidos da planta. Os tecidos mais jovens são mais susceptíveis ao ataque. Nas folhas, o ataque causa as lesões necróticas, tamanhos distintos e halo concêntrico, iniciando-se nas bordas, caminhando para o centro do limbo foliar; nas flores o ataque não permite completar sua função reprodutiva; nos chumbinhos o ataque causa a mumificação, tornando-os inviáveis para colheita; nos frutos o prejuízo é de inviabilizar o desenvolvimento completo e nos ramos o fungo destrói todo o tecido que permite o desenvolvimento dos frutos inviabilizando a produção atual e as gemas reprodutivas da safra do ano seguinte.

Como Controlar

Para o controle da phoma o monitoramento é o mais importante. A utilização de fungicidas cúpricos diminui a disseminação do fungo. O plantio de quebra ventos em regiões de altitude elevada e históricos de temperaturas baixas podem colaborar na prevenção desta doença.  

A nutrição balanceada é um ótimo aliado para o manejo deste patógeno. O excesso de Nitrogênio nas adubações favorece o crescimento de tecidos jovens que são frágeis ao ataque deste fungo. Neste sentido, a adubação com cálcio torna-se um aliado na prevenção de phoma, visto que este nutriente favorece o fortalecimento da parede celular, tornando os tecidos menos suscetíveis ao ataque.

Por fim, é importante o cafeicultor estar sempre atento aos possíveis problemas que podem aparecer na sua lavoura. O controle e prevenção de doenças são importantes para manter a produtividade da lavoura e também ajuda no processo de produção de cafés de excelente qualidade. Você, consumidor, pode ter a certeza de que nós aqui da Coffee & Joy estaremos sempre auxiliando os produtores para garantir cafés de excelente qualidade na casa de vocês.

Artigo desenvolvido pelo engenheiro agrônomo da coffee&joy: João Henrique Gonçalves Neves