Xícaras para Prova de Café

O Que é Um Concurso de Qualidade de Cafés Especiais?

Publicado em

O Brasil é o maior produtor e exportador de café do mundo. O café é um produto que está na cultura e na casa do brasileiro. Nós somos o segundo mercado que mais consome café no mundo. Ou seja, o brasileiro não fica sem o seu café no dia a dia. Entretanto, estamos acostumados a tomar um café extremamente torrado e que muitas vezes não possui uma qualidade boa. O café é uma fruta e possui um sabor que é doce naturalmente. Quantas vezes você já se pegou colocando diversas colheres de açúcar no seu café para poder conseguir tomá-lo? E aquele gosto amargo no final?

Não precisa ser assim. O café, quando bem tratado, apresenta um sabor surpreendente na xícara. Na maioria das vezes o nosso melhor café é exportado. Sabe como os produtores buscam mostrar os cafés excelentes que eles produzem? Através dos concurso de qualidade de café. Basicamente, em um concurso de qualidade existem diversos provadores certificados que irão analisar diferentes características do café. Geralmente, os cafés são analisados seguindo o protocolo de avaliação de cafés especiais da SCA (para saber mais sobre todo o processo acesse esse post aqui).

É um trabalho bem minucioso. Afinal, ali está sendo analisado todo o cuidado e ciência que o produtor depositou durante o ano todo na sua produção. Foi pensando nisso que nós, do Coffee & Joy, buscamos trazer para vocês como funciona todo o processo de um concurso de qualidade. Fomos convidados para participar do 9º concurso de qualidade de cafés dos Produtores do Alto do Serra (APAS). Fizemos um vídeo detalhando como foi o nosso dia e esperamos que vocês possam entender um pouco mais a importância de todo o processo, tanto para quem está buscando cafés de qualidade, quanto para os produtores que estão empenhados em produzir excelentes cafés.


Basicamente, o concurso foi dividido em três categorias de acordo com os métodos de processamento do café: cereja descascado, natural e colheita seletiva. Durante a sessão dos cafés cereja descascado foram provadas 11 amostras de cafés. Já na sessão de cafés naturais foram provadas 27 amostras de cafés. Por fim, durante a sessão de cafés de colheita seletiva, foram provadas 11 amostras. Todo esse processo de prova foi realizado por cinco provadores, cada um deu sua nota para cada amostra de café avaliada. O pessoal da organização da APAS realiza a média das notas de todos os provadores para obter a nota final de cada café.

Por fim, é feita uma cerimônia de premiação para entregar o resultado para os produtores vencedores.

Foi um dia muito produtivo e muito feliz, uma vez que, dois lotes que estão no menu do Coffee & Joy estavam lá concorrendo. O nosso café Red Velvet e Príncipe de Ouro são de produtores que fazem parte da APAS e do Projeto MicroLotes, que foi criado com o intuito de valorizar os cafés de alta qualidade e evidenciar o potencial da microrregião, localizada a altitudes superiores a 1300m.

Todo esse processo busca mostrar e valorizar o trabalho diferenciado que é feito na lavoura durante todo o ano pelo produtor de café especial. Por isso, os concursos de qualidade são fundamentais para incentivar a continuidade da busca da excelência na produção de cafés! Toda a cadeia sai ganhando, o consumidor que vai ter um café delicioso na mesa, o produtor que vai ser mais valorizado e o torrador, que vai ter uma matéria prima fantástica para trabalhar.