Qual a Diferença do Café Feito na Aeropress  e na Prensa Francesa?

Publicado em Tags , , ,

Para preparar um café gostoso em casa não precisamos de muito, apenas de um café de qualidade e uma boa água já são o bastante. Porém, a forma como o café é preparado pode mudar completamente o resultado da bebida na xícara. Fizemos o mesmo café de duas formas diferentes: na Aeropress e na Prensa Francesa para comparar e ver o resultado final em cada um deles.  

Para conferir a diferença do café feito na Aeropress e na Prensa Francesa, assista ao vídeo ou continue lendo:

 

Sobre a Aeropress

A Aeropress é uma forma prática de preparar café em qualquer lugar. Com um pouco de água quente e café já é possível fazer uma bebida maravilhosa. Unindo pressão e o filtro de papel, a Aeropress consegue extrair um café com a potência do espresso e a delicadeza de um café coado.

Ela foi desenvolvida por Alan Adler em 2004. Alder começou seus estudos pelos processos de preparo de café já existentes. Seu objetivo era criar uma forma inovadora e que pudesse unir praticidade e qualidade na hora de extrair café. A aeropress foi apresentada ao mundo em 2005 em uma feira da indústria de café. 

Composta por três partes principais: corpo, êmbolo e a tampa. Além de porta filtros, colher dosadora, mexedor e funil. Ela é bem parecida com uma seringa e pode até ser confundida com um brinquedo. É feita com material bastante resistente e como não tem peças delicadas ou de vidro, é bastante duradoura.

A Aeropress é uma das formas de fazer café mais práticas e versáteis já inventadas. Mudanças de moagem e temperatura são bem vindas durante o preparo. Por conta disso, acabou se transformando em um brinquedo na mão de quem gosta de fazer experiências com café. 

Uma das suas versatilidades está na forma de preparar, que pode ser padrão e invertida. Na primeira, o café fica próximo a um café preparado no filtro de papel, já que segue o mesmo processo de gravidade, com a adição de pressão da seringa no final.

Já no preparo dela na posição invertida, o café pode ficar mais encorpado, similar a uma prensa francesa, já que ele fica em infusão antes de passar pelo filtro.

A Aeropress é tão querida pelos baristas e coffee lovers pelo mundo, que tem até campeonato mundial de preparo de café nela. Veja aqui mais detalhes e  como preparar café utilizando uma Aeropress.

Sobre a Prensa Francesa

A Prensa Francesa é uma das formas mais clássicas de preparar café. Sua primeira versão foi patenteada na França, em 1852. No entanto, o modelo que é mais conhecido hoje foi desenvolvido em 1929 pelos italianos Attilio Calimano e Guilio Moneta.

A Prensa Francesa pode ser preparada com muita praticidade e elegância. Além de deixar o ato de fazer café ainda mais charmoso. Existem prensas de diversos tamanhos e materiais, o que possibilita escolher a que melhor atende seu estilo de vida.

Basicamente, a Prensa Francesa prepara o café por meio da infusão. O café é moído grosseiramente e fica em contato com a água quente por até 4 minutos. Após esse tempo, utilizamos um êmbolo para separar a bebida do café moído.

A Batalha dos Métodos

Para comparar o café feito na Aeropress com a Prensa Francesa, escolhemos o café especial Pink Lemonade. Ele é um café que possui um sabor marcante com notas que lembram limonada, morango e maracujá. Tem uma delicada acidez málica e cítrica, corpo médio, com uma finalização média doce e um leve frutado.

O Pink Lemonade foi escolhido por possuir um perfil sensorial de fácil identificação, principalmente a percepção das notas de limão, o que vai ajudar bastante na hora de comparar o resultado das duas preparações. O corpo médio e a acidez foram detalhes que levamos em consideração no momento de escolha. Buscando destacar o corpo da bebida na prensa francesa e na aeropress.

Café não é tudo igual. Cafés especiais possuem um sabor e qualidade bem diferentes dos cafés tradicionais. Neles é possível encontrar notas sensoriais naturais diversas e sabores que agradam até os paladares mais exigentes. Se ainda não provou cafés especiais, que tal começar por aqui.

Para cada preparo utilizamos 20g de café. Para deixar mais interessante a comparação, escolhemos preparar a Aeropress no modo invertido, já que o café fica em infusão, em um processo parecido com o que acontece com a Prensa Francesa, onde a água tem um contato maior com o café. 

Por isso, usamos a moagem grossa nos dois métodos. Se a moagem for muito fina,o resultado seria uma bebida super extraída, com a presença de um amargor desagrável na xícara, por causa do tempo de contato do pó com a água.

Se possível, realize a moagem do café minutos antes do preparo. Caso não tenha um moedor em casa, não se preocupe, peça um café fresco e moído antes de ser enviado para você, com a moagem certinha Acesse aqui e saiba como

Para preparar o café, fervemos 30oml de água de boa qualidade para cada um dos métodos. Usamos cerca de 100ml em cada equipamento para escaldar,  garantindo a retirada de impurezas e o sabor de papel do filtro da Aeropress e para deixar tudo na temperatura ideal para receber o café. 

Descartamos a água do escalde, adicionamos o pó de café e 200 ml de água de uma vez em cada um e deixamos por 3:30 minutos. Usamos um mexedor para misturar tudo e garantir que está tudo hidratado. Passado o tempo, descemos  primeiro o êmbolo da prensa francesa, para que o pózinho do café decantasse para garantir uma xícara mais limpa.

Invertemos a Aeropress em uma jarra e apertamos a seringa para extrair todo o café.

Se quiser ver mais detalhes sobre os preparos, o passo a passo e mais informações sobre os equipamentos, acesse aqui.

O resultado na xícara foi um fenômeno!

Veja só o resultado:

AEROPRESS: Mesmo utilizando a infusão a bebida ficou mais ácida comparada a prensa francesa e menos turva. A xícara fica bastante limpa, por conta do filtro de papel que é utilizado. Além disso, o diferencial da aeropress é a adição da pressão no preparo do café, o que traz mais acidez e, consequentemente, mais complexidade ao café. O café ficou bem doce e com uma acidez agradável na boca, lembrando muito limão. Até parece que esprememos um pouquinho de limão no meio do café. Por este motivo, cafés especiais mais frutados são os mais indicados para fazer aqui, pois realça mais características como a acidez e doçura.

PRENSA FRANCESA: o que mais se destacou foi o corpo do café, ou seja, o peso da bebida na boca. O café ficou bem oleoso e suculento. Na xícara, o café ficou mais turvo e com uma textura diferenciada na boca por conta dos pozinhos do café que passam pelo filtro. Mas isso já era esperado, já que a Prensa Francesa usa um filtro de metal mais grosso que o de papel, o que permite a passagem dos óleos e de partículas mais finas de café. Em relação a acidez, se comparada a Aeropress ela não é evidenciada. Cafés com perfis sensoriais mais achocolatados e doces, que lembram caramelo, castanhas e especiarias são os mais indicados para o preparo da prensa francesa, já que o que mais se destaca aqui é o corpo.

Se quiser aprofundar mais no assunto, veja aqui o que são as notas sensoriais dos cafés e como identificá-las no café.

Indo um pouco além, comparamos a diferença da Prensa Francesa e da Aeropress, levando em conta outros pontos, como limpeza, praticidade, dificuldade e versatilidade.

Pontuamos cada um deles numa escala de 1 a 5, veja só:

Vejas as outras edições da Batalha de Métodos:

– Qual a Diferença do Café Feito no Filtro de Pano e no Filtro de Papel?

– Qual a Diferença do Café Feito no Coador com Filtro de Papel e no Coador com Filtro de Inox?

– Qual a Diferença do Café Feito na Prensa Francesa e no Filtro de Papel?


Conclusão

Depois de analisar cada um dos atributos da batalha dos métodos, a minha opinião pessoal é que a Aeropress é mais indicada  para quem gosta de se aventurar no mundo do cafés e testar diferentes tipos, dos achocolatados e doces aos mais ácidos e exóticos. Ela é muito fácil de limpar e tem como alterar as receitas para ter resultados diferentes na xícara. E pode ser uma ótima companheira para pessoas que gostam de viajar e não abrem mão do cafezinho diário.

A Prensa Francesa é uma boa escolha para quem gosta de um café mais encorpado, por conta dos óleos. Seu preparo é bem prático e fácil, mas a limpeza requer mais atenção e precisa sempre de limpar na torneira. Como pode ser encontrada em vários tamanhos, é ideal tanto para quem faz muito café quanto para quem faz doses menores. 

Gostamos de ambas! O que importa no final é o café ficar saboroso para quem vai tomar.

Teve alguma dúvida sobre as diferenças entre o café feito na Aeropress e na Prensa Francesa? Me chama no chat online.

Brinquedo de Gente Grande: Prepare Seu Café Especial Utilizando a Aeropress

Publicado em Tags , , Deixe um comentário em Brinquedo de Gente Grande: Prepare Seu Café Especial Utilizando a Aeropress

A vida é muito mais leve quando nos divertimos e aproveitamos os pequenos momentos durante nossa caminhada. A hora do café está presente na nossa vida diariamente. Utilizar um utensílio diferente e que produz um café fantástico, propicia mais diversão ainda. Por isso, a Aeropress desempenha tão bem esse papel de preparar um café fantástico e, ao mesmo tempo, é diversão garantida. Inventada por um engenheiro que também fabricava brinquedos, a Aeropress é uma maneira diferente de preparar o seu café especial. Além do resultado final ser fantástico, é um utensílio simples e prático de utilizar. Mais do que isso, a Aeropress é constituída de um material extremamente resistente e é fácil de carregar para onde você for, já que ela também é extremamente compacta.

Por esse motivo, nós do Coffee & Joy gravamos um vídeo mostrando os detalhes sobre como preparar um café incrível utilizando a Aeropress.

 

A Aeropress

O café é o combustível diário de energia de grande parte da população mundial. Não é atoa que ele é a segunda bebida mais consumida do mundo. Com Alan Adler também não é diferente, ele não fica sem o seu café. Devido ao seu interesse na bebida, em 2004 Alan começou a estudar o processo de preparar café em conjunto com os utensílios existentes para extrair a bebida. O intuito era conseguir criar um utensílio inovador e que conseguiria extrair um café com qualidade superior aos utensílios existentes.

Alan tem o costume de inventar coisas desde os 13 anos de idade. Esse costume lhe rendeu mais de 40 patentes. Ele já desenvolveu sistemas de monitoramento para aeronaves militares, reatores nucleares e submarinos, entre outros. Ainda, Alan também foi o responsável por inventar alguns brinquedos produzidos pela empresa Aerobie. Um desses brinquedos é o “Anel Voador”, que ganhou o recorde mundial de lançamento mais longo!

Com toda essa energia que Alan possui para criar coisas novas, surgiu a Aeropress em 2005. Basicamente, a Aeropress é composta pelo corpo, êmbolo e o porta filtro. Ela se assemelha bastante a uma seringa.  Com a Aeropress, Alan conseguiu unir um pouco do sabor existente no café espresso em conjunto com a delicadeza de um café filtrado. Isso é possível devido a pressão que é feita pelo êmbolo para extrair o café que passa por um filtro de papel antes de chegar à xícara.

A seguir é detalhado como preparar o seu café utilizando a Aeropress.

Como Preparar o Seu Café

A Aeropress é um utensílio extremamente versátil para extrair café. É possível obter resultados distintos para um mesmo grão através da variação da moagem, do tempo de pré-infusão, do tempo de infusão e do tempo gasto para finalizar a descida do êmbolo.

A Água

É importante ressaltar que mais de 90% do preparo do café é água. Ou seja, ela é um ingrediente fundamental e que precisa ser de qualidade para obtenção de um excelente café. Por isso, prefira por água mineral ou filtrada, que não possua um gosto excessivo de cloro. Ainda, é importante ferver a água. O segredo é não deixar a água fervendo por muito tempo, pois os sais minerais ficarão mais concentrados. Esses sais minerais concentrados irão impactar de forma negativa o resultado final do seu café.

Escalde o Filtro

Utilize a água quente para escaldar o filtro de papel. Essa etapa é importante para remover o possível gosto de papel que os filtros possuem.

Proporção

A escolha da proporção é importante para preparar um café equilibrado. Uma proporção que tende a agradar a maioria dos paladares é utilizar 10 gramas de café para cada 100ml de água. Se você preferir um café mais concentrado, é só aumentar a quantidade de pó de café utilizado no preparo. Por exemplo, você pode utilizar 15 gramas de café para cada 100ml de água. Aqui vale a experimentação para encontrar a proporção que mais agrada o seu paladar.

Moagem

A granulometria da moagem influenciará diretamente no resultado final do seu café. Quando mais grossa a moagem, mais facilmente a água passará pelo café e mais dificuldade ela terá para extrair todo o potencial do café. Já a moagem muito fina, fará com que a água tenha um contato maior com as partículas do café e super extraia o café, o que poderá gerar um certo amargor na sua bebida. Para a Aeropress, indicamos utilizar uma moagem média como ponto de partida.

Pré-Infusão

A pré-infusão é fundamental para garantir que todas as partículas de café sejam hidratadas. É durante essa etapa que o café libera todos os seus aromas e sabores. Por isso, é importante garantir que as partículas de café tenham se hidratado igualmente para que as condições de extração de cada partícula seja a mais parecida possível.

Finalização

Após realizar a pré-infusão é só completar com o restante de água até o número quatro, indicado no corpo da Aeropress e aguardar por volta de 3 a 4 min. Passado o tempo, encaixe a Aeropress direto na caneca e pressione o êmbolo para baixo, fazendo pressão em um movimento constante.

Por fim, basta degustar o café que você acabou de preparar. Você terá na sua xícara um café que foi extraído utilizando um pouco de pressão e também um filtro de papel. Ou seja, a bebida produzida trará lembranças de um espresso e de um café filtrado também!

Aproveite para se aventurar com moagens diferentes, modifique também o tempo de infusão e compare os resultados gerados para o mesmo café. Você perceberá a versatilidade da Aeropress fazendo esses experimentos! Para um mesmo café, os resultados serão diferentes!

>> Quer conhecer cafés incríveis? Acesse aqui para descobrir um universo completamente diferente para mudar a sua forma de tomar cafés! Descubra o Coffee & Joy <<