Receita de Gin Infusionado com Café – Drink Assinatura coffee&joy que é Fácil, Diferente e Gostoso

Publicado em Tags , , ,

O gin virou febre nos últimos anos. É um destilado que tem requinte e combinações para todos os gostos. A gente fez a nossa própria versão e criamos uma receita de gin com a nossa bebida favorita: o café especial. Você tem que provar! 

O nosso DNA tem (muito) café e um toque de ousadia. Por isso, durante o mês de março de 2021, enviamos aos nossos assinantes a oportunidade de misturar o Gin com café! 

Mas fomos um passo além.

Para que a receita ficasse ainda mais interessante, criamos um drink assinatura coffee&joy onde o café entra em forma de infusão com o Gin. O infusionamento de bebidas alcoólicas para aromatizar e dar um sabor diferente, já é praticado pela indústria há muito tempo. Mas o que muita gente não sabe é que dá para fazer infusões em casa e é muito fácil. 

Gostou da dica? Aqui tem um post de receita de café infusionado com cachaça para fazer uma caipirinha diferente e muito mais gostosa.

A Receita de Gin Infusionado com Café é bem simples de fazer e vai te surpreender no sabor. Veja o vídeo completo desta receita ou continue lendo.

 

O Gin que Escolhemos para Harmonizar com Café

No mês de março de 2021, nos juntamos com o Marcos Paolinelli e Rafael Araújo, que é assinante da coffee&joy de longa data. Eles são os fundadores da Cachaçaria Nacional (@cachacarianacional), que além de difundir o consumo da verdadeira cachaça de qualidade no Brasil, lançou o Gin do Chefe. Nós enviamos para cada um dos nossos assinantes, uma amostra do Gin do Chefe para produzir esta receita.

Este gin foi produzido em Itaverava, MG, no Alambique Escola Taverna de Minas. Feito a base de zimbro e cereais, o Gin do Chefe também tem adição de especiarias, ervas e sementes, como mamica, coentro, angico, lúpulo citra, limão taiti, canela, cardamomo e raiz de angélica. A fusão de todos esses ingredientes faz com que ele tenha um sabor herbáceo, cítrico e um leve amargor característico do lúpulo. 

Assim como nós, a Cachaçaria Nacional também é movida pelos milhares de produtores do Brasil. Eles se preocupam com a origem e qualidade das bebidas e não podíamos escolher um Gin melhor para testar receitas com o café.

Se você gosta de receitas alcoólicas de café, aqui tem um post com 4 receitas de cachaça com café.

Preparando um Drink de Gin Infusionado com Café – Assinatura coffee&joy

Para que a receita fique boa, além do gin de qualidade, é muito importante escolher um bom café. Preferencialmente da categoria especial e que possua notas sensoriais mais frutadas e com acidez alta. Você já conhece esse tipo de café? Saiba mais neste link aqui.

Ingredientes

Como Preparar

Em uma garrafa ou pote de vidro com tampa, adicione o pó de café coffee&joy com o Gin do Chefe. Guarde a mistura na geladeira por 12 horas.

Coe a mistura do gin infusionado no coador de pano ou de papel para separar o pó.

Em um copo, adicione bastante gelo, a água tônica e lascas da casca da laranja.

Por fim, adicione o gin infusionado com café, bem devagar e mirando em uma pedra de gelo, para que fique com o efeito de duas cores no copo.

Misture tudo antes de beber.

Sirva e aproveite!

Receita de Café Gelado com Leite Cremoso

Publicado em Tags , , , , ,

Fazer um café gelado com leite pode parecer estranho. No Brasil, apesar do café com leite ser um clássico, só de pensar em colocar gelo já causa polêmica. Mas em vários lugares do mundo, tomar café gelado com leite cremoso é muito mais comum do que a gente imagina. Por isso, fizemos uma receita bem fácil, prática e gostosa, que dá para você fazer em casa.

Neste post, falamos os detalhes dos ingredientes, a receita completa e, no final, tem um vídeo bem rapidinho com o passo a passo para fazer o café gelado com leite cremoso em casa.

Para fazer essa receita, o grande segredo está na escolha do leite e do café. Parece óbvio, mas como são os únicos ingredientes, se escolhermos de forma correta, a receita de café gelado com leite cremoso será sucesso na certa. 

O leite

A primeira coisa importante é a escolha do leite, tem que ser um mais gorduroso. Pode ser leite integral ou vegetal específico para café.

Depois de escolher o leite, coloque ele na geladeira. Use leite frio e leve para o fogo até ficar morno (não deixe ferver). Você pode levar tanto no microondas quanto no fogão. 

Em seguida, agite o leite batendo ele com um mixer, pode utilizar também o liquidificador ou uma prensa francesa. Esfriar, esquentar e bater o leite vai fazer com que ele aumente muito de tamanho, ficando cremoso e com bastante espuma. Ele ficará com uma textura aveludada, cremosa e brilhante, igual aos de cafeteria. 

Por isso, este passo é muito importante para que essa receita dê certo e fique com toda cremosidade dos famosos lattes das cafeterias europeias.

O café

Muita gente não sabe, mas o café é uma fruta e o que consumimos é a semente da fruta que foi torrada e moída. Existem diversos tipos de café no que se refere à qualidade e sabor. Aqui tem um post falando mais sobre isso.

Para que a receita de café gelado com leite cremoso fique bem gostosa, é importante escolher um café de boa qualidade, de preferência um café da categoria especial. Nos cafés especiais, é possível escolher tipos diferentes que possuem notas naturais de frutas, castanhas e até chocolate. Veja aqui como receber cafés especiais de qualidade, direto do produtor, em casa.

Para essa receita, cafés especiais com notas de chocolate e castanhas é o ideal, pois misturados ao leite, formam uma harmonização perfeita. Usamos cafés da assinatura da coffee&joy, que estão disponíveis aqui.

A forma de preparar o café também influencia. Você pode fazer da forma que já faz em casa (filtro de papel, pano, cafeteira italiana, máquina, etc.). Mas se você optar por usar um café especial na sua receita para ficar ainda mais gostoso, recomendo que siga essas recomendações de preparo disponíveis aqui.

Falamos do leite e do café e agora, vamos à receita?

Preparando o café gelado com leite cremoso

Ingredientes

Como preparar

Leve 150ml de leite ao microondas ou ao fogo até que ele fique morno, sem deixar ferver. Bata o leite com um mixer até que ele quase dobre de tamanho e fique cremoso. Se não tiver um mixer use o liquidificador ou a prensa francesa, puxando o êmbolo para cima e para baixo.

Em um copo, adicione bastante gelo e o leite batido.

Por fim, adicione o café pronto bem devagar, mirando em uma pedra de gelo, para que fique com o efeito de duas cores bem legal no copo.

Misture tudo e sirva em seguida.

Enjoy!

Aqui tem um vídeo completo do passo a passo e de como é fácil fazer essa receita de café gelado com leite cremoso.

 

Qual a Diferença do Café Feito na Prensa Francesa e no Filtro de Papel?

Publicado em Tags , , Deixe um comentário em Qual a Diferença do Café Feito na Prensa Francesa e no Filtro de Papel?

Para fazer um café, precisamos de uma receita, quase igual a uma receita de bolo. Tem a quantidade do pó e da água, o tempo que vai passar o café, a temperatura da água e até a velocidade que coloca ela no pó. Mas, se pegarmos a mesma quantidade de pó e de água, qual a diferença de fazer café na prensa francesa e no filtro de papel?

A cada variável que você muda na hora de fazer o café, o resultado final na xícara também muda. Às vezes as diferenças são muito pequenas, outras muito perceptíveis. No final das contas, o que mais importa é que quem vai tomar fique satisfeito com o resultado.

Gravamos um vídeo com as nossas percepções sobre as diferenças de fazer um mesmo café, em dois métodos diferentes: na prensa francesa e no filtro de papel. Assista ao vídeo completo para ver o resultado ou continue lendo.

 

 

Sobre o Filtro de Papel

Em busca de um café gostoso e sem resíduos na xícara, Dona Melitta Bentz, uma dona de casa alemã, inventou o porta-filtros que recebe seu nome, em 1908.

O filtro de papel chegou no Brasil por volta de 1968 e hoje é um dos métodos de preparo de café mais utilizados pelos brasileiros, junto com o tradicional coador de pano. 

Com o passar dos anos, o suporte de filtros evoluiu, ganhou muitas cores e mudanças de material (como as versões em porcelana), curvaturas e ângulos, além da adição de mais furos na base – o que facilitou o escoamento da bebida e controle durante a extração. Tem opção para todos os gostos e estilos.

 

Sobre a Prensa Francesa

A prensa francesa é um utensílio de preparar café bastante antigo. A primeira versão da prensa francesa foi patenteada em 1852, na França. Nessa versão, já existia a ideia de utilizar o recipiente cilíndrico para colocar o café e água e a haste com o filtro conectado na ponta. Para separar o café da água bastava abaixar a haste com o filtro.

Entretanto, o modelo mais parecido com o que utilizamos hoje foi patenteado em 1929 pelos italianos Attilio Calimano e Giulio Moneta. Por conta disso, é atribuída a eles a invenção da prensa francesa.

A prensa francesa é uma ótima maneira para preparar café. Prática e elegante, traz um charme e tanto para o momento café. Existem diferentes tipos e tamanhos desse método no mercado, desde os mais simples aos mais elaborados, de duas a oito xícaras, de diferentes marcas e cores. Dessa maneira, é possível pesquisar para encontrar o que melhor se encaixa no seu estilo de vida.

 

A Batalha dos Métodos

Para fazer uma comparação entre as diferenças do café na prensa francesa e no filtro de papel, usamos o mesmo café especial: o Tropicália. Ele é um café que possui notas frutadas de manga, suco de abacaxi e uva branca. Tem acidez cítrica equilibrada, corpo médio e cremoso e finalização média.

Escolhemos este café, pois ele tem acidez e notas bem fáceis de serem identificadas e, por isso, será um melhor ponto de comparação nos dois métodos. Os cafés especiais tem melhor qualidade, mais notas sensoriais e são bem mais agradáveis que os tradicionais. Por isso, para fazer este teste, faz muito mais sentido usar este tipo de café. Se você ainda não conhece cafés especiais, sugiro começar por aqui.

Usamos 30g de café para cada método, nas moagens adequadas para cada um deles. Para o filtro de papel, fizemos a moagem média. Já para a prensa francesa, a moagem grossa. A moagem grossa é utilizada na prensa francesa pois o processo de extração do café é feito por infusão, assim o café moído ficará em contato com a água por mais tempo. Se a moagem fina fosse utilizada o café teria uma super-extração, pois a superfície de contato das partículas do café moído fino são maiores. Se não tiver moedor em casa e quiser testar, aqui você pode pedir café com moagens diferentes para cada método.

Fervemos 300ml de água para cada método. Mas antes, escaldamos os dois para tirar quaisquer resquícios de impurezas, tirar o gosto de papel do filtro e já deixar tudo na mesma temperatura.

Fizemos os cafés conforme as indicações de preparo e o tempo total de cada preparo foi de 3 minutos. Aqui tem os passo a passo completos de como fazer cafés nestes e em outros métodos.

O resultado final na xícara foi surpreendente!

Veja só o resultado:

 

FILTRO DE PAPEL : o café ficou perceptivelmente mais limpo na xícara, sem nenhum resíduo de pó. A bebida teve um equilíbrio entre os sabores do café, a acidez ficou mais evidenciada, comparado com o café na prensa francesa. O peso do café na boca (corpo), também fica mais sutil e mais leve. Senti a doçura do café facilmente. A minha conclusão é que para o filtro de papel, usar cafés mais frutados e com mais acidez, é melhor, já que são estes os atributos que mais são identificados neste método.

PRENSA FRANCESA : o que mais se destacou aqui foi o corpo, ou seja, o peso do líquido dentro da boca. Ficou bem mais oleoso e suculento se comparado com o café do filtro de papel. Na xícara, o líquido fica mais turvo, alguns pozinhos de café passam para a xícara e o café também fica com mais óleos. Isso era esperado, já que a prensa usa um filtro de metal mais grosso, que permite a passagem dos óleos e dos resíduos de pó de café. Com relação a acidez não fica tão evidente como a do filtro de papel e, por isso, fica mais doce. A minha conclusão é de utilizar aqui cafés com perfis sensoriais mais voltados para chocolates, doces, caramelo, castanhas e especiarias, já que é a doçura e o corpo que mais vão realçar na prensa francesa. 

 

Para ficar mais fácil analisar esses atributos que falamos aqui, como acidez, corpo e sabor, tem um ebook aqui completo explicando o que é cada um deles. 

Indo um pouco mais adiante, comparamos a diferença da prensa francesa e do filtro de papel, considerando outros pontos, como limpeza, praticidade, dificuldade e versatilidade.

Pontuamos cada um deles numa escala de 1 a 5, veja só:

Conclusão

Depois de analisar cada um dos atributos da batalha dos métodos, a minha opinião pessoal é que o filtro de papel deve ser usado por quem gosta de cafés mais frutados com uma xícara mais limpa. Ele é muito fácil de limpar e tem como alterar as receitas para ter resultados diferentes na xícara.

A prensa francesa traz muito corpo e óleos, então para quem gosta de café “forte” é uma boa opção. Ela é mais prática na hora de preparar, mas menos versátil para limpar. Também é ótima para quem recebe pessoas em casa. Ela é elegante para servir e, se a sua for grande como a minha, faz até 8 xícaras de café. Tem alguns modelos disponíveis de prensa francesa aqui neste link.

Eu gosto dos dois de forma diferentes! E, no final das contas, o que mais importa, é que o café tem que ficar gostoso para quem vai tomar.

Ficou com mais alguma dúvida sobre a diferença entre café feito na prensa francesa e no filtro de papel? Me fala aqui nos comentários que eu respondo.

E se você quiser experimentar cafés especiais, com torra fresca e que vem na moagem que você quiser, comece por aqui.

Receita de Caipirinha de Café – a Mistura Que Dá Certo

Publicado em Tags , , , Deixe um comentário em Receita de Caipirinha de Café – a Mistura Que Dá Certo

Se tem uma coisa que combina, é café especial com limão. A complexidade dos sabores e a doçura natural dos cafés especiais é uma harmonização muito gostosa com o limão. Agora, junta tudo isso com a cachaça e temos uma caipirinha de café deliciosa e diferente.

A cachaça é a segunda bebida alcoólica mais consumida no Brasil (a primeira é a cerveja). A sua origem quase acompanha a história do nosso país. Há relatos de que ela foi descoberta por escravos, na época colonial, mais especificamente, no ciclo de açúcar. De acordo com historiadores, a cachaça foi uma descoberta, já que ocorreu por conta de um acidente na fabricação da rapadura. Quando o processo de extração dava errado e o caldo da cana fermentava, esse líquido era descartado.

Os escravos consumiam o líquido mesmo assim e chamavam aquele caldo esverdeado e escuro de cagaça (algo que deu errado). Após tomar a cagaça, os escravos ficam mais eufóricos e contentes. Daí o surgimento do ingrediente principal da Caipirinha.

Já o café é a segunda bebida mais consumida no mundo inteiro (a primeira é a água). A categoria especial (ou café de especialidade) é a mais alta em termos de qualidade. Para receber essa classificação de “especial”, o lote de café deve atingir uma pontuação mínima na avaliação do protocolo da Specialty Coffee Association (SCA), que só pode ser realizado por profissionais certificados. Aqui tem um post completo sobre o que são cafés especiais.

Esta qualidade de café passa por muitos processos e cuidados até chegar na xícara do consumidor. O café especial passa por tratamentos diferenciados, inclusive por um processo de torra que vai ressaltar atributos sensoriais naturais da fruta que foi bem cuidada. Um desses resultados é uma doçura natural e também notas que remetem a outros alimentos, como o chocolate, limão, laranja, doces, etc. 

Se você nunca experimentou café especial, vale a pena o teste. Ele é completamente diferente de tudo que você já tomou. É o resultado do trabalho bem feito no campo e da ciência na hora da torra. Conheça aqui algumas opções de cafés para receber em casa.

A mistura do café especial com a cachaça e a acidez do limão, traz para a Caipirinha uma nova versão que é mais gostosa, sofisticada e muito fácil de fazer. Nesta receita de Caipirinha de café, o diferencial é que o café foi infusionado direto na cachaça. Então dispensa a água quente na hora de preparar e vai deixar seus amigos encantados naquela resenha de final de semana.

Uma dica: outra fruta que dá muito certo com o café especial é a laranja (aqui você aprende a coar um café com uma fatia de laranja)

Vem assistir ao vídeo completo da receita da Caipirinha de Café ou continue lendo o post:

 

RECEITA DE CAIPIRINHA DE CAFÉ

Ingredientes para a infusão de cachaça com café especial coffee&joy 

  • Café especial coffee&joy 
  • Cachaça (eu usei a Legítima de Minas da Cachaçaria Nacional)

Como preparar a infusão de cachaça com café

  1. Em uma garrafa ou pote de vidro com tampa, coloque 1 parte de café especial coffee&joy  moído grosso para 2 partes de cachaça.
  2. Tampe bem e leve à geladeira por 12 horas.
  3. Passadas as 12 horas, coe a mistura usando um filtro de papel ou pano.
  4. Guarde em uma garrafa ou pote de vidro com tampa.

Ingredientes para a caipirinha de café

  • 50 ml da infusão de cachaça com café especial coffee&joy 
  • 1 limão-taiti
  • 2 colheres de sopa de açúcar
  • Essência de baunilha (opcional)
  • gelo

Como preparar

  1. Corte o limão em cubos, retirando a parte branca do miolo, para não amargar.
  2. Em um copo baixo com a boca larga, adicione o limão.
  3. Misture 2 gotas de essência de baunilha com o açúcar e, depois, adicione no copo. Macere bem o limão para extrair o suco.
  4. Adicione bastante gelo, até completar todo o copo.
  5. Por fim, adicione a infusão de cachaça com café especial coffee&joy bem devagar, mirando no gelo, para dar o efeito de duas cores.
  6. Misture tudo e aproveite!

Receita de Como Fazer Frapê de Café – o Famoso Shake das Cafeterias

Publicado em Deixe um comentário em Receita de Como Fazer Frapê de Café – o Famoso Shake das Cafeterias

O Frapê (ou Frappé) é uma bebida gelada feita à base de café e leite que é muito cremosa, refrescante e gostosa. Ele tem muitas variações pelas cafeterias do mundo todo, mas nós criamos uma receita muito fácil e gostosa de Frapê de Café que dá para fazer em casa.

Não se sabe exatamente se a origem do nome do drink é do termo local de Boston, nos Estados Unidos, para milkshake “frappe” (que se pronuncia ‘frap’) ou do grego para café gelado “frappé” – ambos são oriundos do francês “frappé”.

Mas apesar de ser muito popular na Grécia, o Frapê de Café já ganhou adeptos no mundo inteiro. A boa notícia é que tem como fazer em casa e a receita que criamos é muito fácil.

Para dar a cremosidade, é importante usar um leite com bastante gordura. Pode ser integral ou vegetal, sendo que, neste caso, dê preferência aos específicos para preparo de drinks de cafeteria, como o Barista da A Tal da Castanha que usamos aqui.

O café, quanto melhor a qualidade dele, mais gostoso vai ficar. Aqui usamos o café da assinatura da coffee&joy, com torra média escura. Fizemos ele normalmente no filtro de papel e, em seguida, colocamos em uma forminha de gelo e levamos ao congelador.

Fazer pedrinhas de gelo de café é uma ótima opção para não desperdiçar. O melhor é que o café gelado fica muito gostoso não só nessa, mas em várias outras receitas. Veja essa daqui por exemplo, de gelo de café e paçoca.

Gravamos um vídeo completo de como fazer Frapê de Café, mas continue lendo para ver a lista de ingredientes e o passo a passo completo.

 

Ingredientes

– 200ml de café especial coffee&joy congelado

– 200ml de leite gelado (pode ser integral ou vegetal)

– 100g (aprox. 2 colheres) de chocolate em barra (ao leite ou meio amargo)

– 1 colher de sopa de açúcar

– 1 colher de sopa de chocolate em pó

– Chantilly a gosto

Como preparar

Congele 200ml de café já pronto. Aqui, nós fizemos no filtro de papel um café da assinatura da coffee&joy, com torra média escura. Fizemos mais intenso para o gosto do café ficar bem presente no Frappe, usando 3 colheres de sopa bem cheia de pó para 200 ml de água. Aqui tem dicas de como fazer café em casa. Depois de pronto, colocamos em forminhas de gelo, por aproximadamente 3 horas.

No liquidificador, adicione o leite, o açúcar e o chocolate em pó e bata por aproximadamente 40 segundos, até que os ingredientes todos se misturem e o leite fique bem cremoso.

Adicione as pedras de gelo de café e bata até quebrar todo o gelo.

Por fim, quebre o chocolate em pequenos pedaços e bata apenas para misturar, para que os pedacinhos de chocolate fiquem inteiros e dê um sabor e textura especial no drink.

Em um copo, despeje a mistura. Por cima, coloque o chantilly e está pronto!

Se quiser, coloque um pouquinho de chocolate em pó por cima para decorar.

Dica: pode utilizar o chantilly que desejar e que for mais fácil. Você pode preparar a receita tradicional do zero ou então utilizar estes disponíveis no mercado: o que já vem pronto de spray, ou o de caixinha que é só misturar com leite. Tem também a opção em pó, que é só misturar com leite e bater na batedeira.

ENJOY!

Receita Cremosa de Café com Paçoca – Gostosa e Fácil de Fazer

Publicado em Tags , , Deixe um comentário em Receita Cremosa de Café com Paçoca – Gostosa e Fácil de Fazer

A paçoca é um doce feito à base de amendoim muito comum nas festas juninas no Brasil, mas que hoje em dia é consumida o ano inteiro. Juntamos este doce super brasileiro com a nossa bebida favorita e fizemos uma receita cremosa de café especial com paçoca, que é gostosa e fácil de fazer ao mesmo tempo.

Cada vez mais no dia a dia das pessoas, a paçoca está em várias receitas que viraram febre nas redes sociais. O melhor é que, além de ser fácil de fazer, também encontramos a paçoca já pronta em embalagens pequenas em qualquer supermercado. E ela vai bem tanto como sobremesa, quanto como lanche e para acompanhar o café, é claro.

O que muita gente não sabe é que a paçoca harmoniza muito bem com o café especial. A sua doçura junto com a sua textura quando esfarela dentro da bebida, é surpreendentemente agradável.

Mas para que essa harmonização dessa receita dê certo e fique muito gostosa, é importante usar café especial, de origem e torra fresca. Aqui você encontra os cafés perfeitos para usar na sua receita.

O café especial, além de ser mais gostoso, ele não é amargo e tem vários benefícios comprovados para a saúde. Ele diminui o estresse, tem antioxidantes e faz bem para a memória. Aqui tem um post com esses e outros benefícios do café.

A união destes dois ingredientes nos inspirou a fazer essa receita super gostosa. Ela rende uma porção e não demora nem 5 minutos para ficar pronta.

Assista aqui ao vídeo ensinando a fazer  ou continue lendo para ver a receita completa.

 

Ingredientes

– 50ml de café coffee&joy congelado

– 100ml de leite (usamos o vegetal da A Tal da Castanha)

– 30g de paçoca (são 2 barras pequenas ou 1 grande)

– 1 colher de sopa de doce de leite (pode ser caramelo de açúcar)

Como Preparar

Coloque o café pronto no congelador por 3 horas ou até que ele congele por inteiro. Eu usei o café feito no filtro de papel, que sobrou na garrafa (congelar café é um jeito ótimo de não desperdiçar). Se quiser saber como fazer café especial em casa, acesse este link aqui.

Coloque o doce de leite ou caramelo em todo o copo, usando a parte de trás da colher, para espalhar ele todo por dentro do copo, fazendo uma camada fina no vidro.

Esfarele a paçoca com os dedos dentro do copo, de forma que ela fique como uma farofa.

Adicione os cubos de gelo de café.

Agite bem o leite para que ele fique com uma consistência cremosa e, em seguida, despeje sobre o gelo de café.

Polvilhe um pouco da farofa de paçoca por cima para decorar.

Sirva em seguida e misture tudo antes de beber.

Enjoy!

Receita Fácil e Nutritiva de Shake Vegano de Café

Publicado em Deixe um comentário em Receita Fácil e Nutritiva de Shake Vegano de Café

Na busca por uma receita fácil e nutritiva de shake para acompanhar o dia a dia corrido, criamos uma opção vegana com café que é ao mesmo tempo prática e saudável.

Aliado a ingredientes nutritivos, o shake de café pode ser o seu pré-treino e até substituir uma refeição no café da manhã ou da tarde, poupando tempo em dias corridos e dando vários nutrientes que você precisa.

Para esta receita, nós usamos leite de castanhas, banana, cacau em pó, melado de cana e café especial coffee&joy. Para ter uma alimentação saudável, o primeiro passo é sempre optar por alimentos de qualidade, preferencialmente frescos, de origem e sem aditivos. 

Por isso, o café especial ganha destaque nessa receita, já que possui inúmeros benefícios para a saúde, como controle de diabetes, prevenção de doenças e até ajuda no emagrecimento. Veja aqui um post completo sobre os benefícios.

Além disso, vale lembrar que a borra do preparo do café pode ser reutilizada para a saúde da pele ou até das suas plantas. Veja aqui dicas para reutilizar o resíduo do seu café na pele ou aqui para reutilizar nas plantas.

Agora, vamos à receita?

Ingredientes

– 1 xícara (100 ml) de café especial coffee&joy já pronto

– 2 xícaras (200ml) de leite vegetal (pode ser integral ou desnatado)

– 1 banana prata 

– 1/2 colher de sopa de cacau em pó

– 1/2 colher de sopa de melado de cana (pode ser mel)

– gelo a gosto

Como preparar

Faça o seu café na hora, como de costume. Aqui tem várias dicas de como preparar café em casa.

Em um liquidificador, coloque todos os ingredientes e bata por 30 segundos ou até que o shake fique homogêneo.

Sirva em um copo longo. *Para dar um charme a mais, use um canudo sustentável e coloque um pouco de cacau em pó por cima!

Enjoy!

Veja um vídeo rápido de como é fácil fazer:

 

Quer testar outras receitas? Se você gosta de shakes, com certeza vai amar uma receita de vitamina de banana com gelo de café! Clique aqui e veja a receita.

Qual a Medida Certa para Fazer Café Especial?

Publicado em Tags , Deixe um comentário em Qual a Medida Certa para Fazer Café Especial?

Acertar as medidas do pó e da água para fazer café especial pode parecer um desafio para muita gente.  Mas você sabia que tem como fazer um café nas medidas certas usando utensílios que você tem em casa? Além da qualidade dos ingredientes (pó de café e água), o outro principal fator para fazer o café especial perfeito em casa é a proporção entre eles. Para te ajudar, vamos te mostrar como acertar na medida do seu café de um jeito super fácil!

Primeiro de tudo, devemos deixar claro que não existe uma regra exata para fazer café. Por isso, este é um guia para você começar a medir o café com uma proporção que tende a agradar a maioria das pessoas. A partir daí, você pode ir variando as medidas até achar a que você mais gosta!

É importante ressaltar que um café de qualidade é fundamental. Por isso, é sempre melhor optar por cafés especiais. Esses cafés são extremamente bem tratados para que o máximo do seu sabor seja realçado na xícara. Neste link aqui você encontra cafés especiais e frescos.

Para não ter erro na hora de fazer café especial, nós indicamos usar 10g de pó para 100ml de água fervida. É uma medida que tende a agradar a maioria das pessoas. 

A proporção entre a água e o pó de café altera diretamente a intensidade do sabor da sua bebida. Quanto mais pó de café, mais intenso a sua bebida fica. Em outras palavras: mais “forte” fica o seu café e vice-versa.  O divertido é ir testando proporções e brincando até encontrar o seu gosto.

Caso você não tenha copo medidor e nem balança em casa para medir o pó e a água, tem uma forma prática e eficiente para pesar esses ingredientes.

Para medir a água, use como base o copo americano (lagoinha).  Um copo americano cheio de água até a linha tem capacidade de aproximadamente 130ml.

Nós sempre indicamos usar água mineral ou filtrada para fazer café. Isso porque, a água da torneira pode ter uma grande quantidade de cloro e outros minerais que alteram diretamente o sabor do seu café.

Para medir a quantidade de pó de café, use como base uma colher de sopa. Se encher ela muito, de forma que fique uma “montanha”, com os pózinhos quase caindo, você terá aproximadamente 12 a 15 gramas de pó de café.

Fizemos um vídeo bem rapidinho, para te mostrar como funciona essas medidas para te ajudar na hora de fazer café. Assista aqui e continue lendo para ver a receita completa de como preparar o café no filtro.

 

Agora, com os medidores já calibrados, vamos fazer o café:

 

Você vai precisar de:

  • Coador
  • Filtro de papel
  • Água quente 
  • Café especial coffee&joy

Como preparar:

  • Para preparar 200ml de café, aqueça 3 copos americanos de água filtrada ou mineral até levantar fervura (1 copo para escaldar os utensílios e 2 para fazer o café). A água deverá estar em uma temperatura de cerca de 90-96 °C. Para chegar nessa temperatura, ferva a água e aguarde cerca de um minuto para usá-la.
  • Dobre as costuras do filtro de papel e encaixe no porta filtro.
  • Use um copo americano de água quente para escaldar o filtro de papel, isso ajuda a limpar o filtro e evita gosto de papel em sua bebida.
  • Despeje 2 colheres de sopa bem cheias de pó de café no porta filtro. A moagem deve ser média (se ele for moído imediatamente antes do preparo, fica ainda mais gostoso).
  • Derrame um pouco de água quente em cima do pó até que ele fique todo molhado e aguarde 30 segundos, esse momento se chama pré-infusão onde os sabores e aromas do café são liberados.
  • Em seguida, adicione o restante da água aos poucos e espere até que o líquido comece a gotejar na parte de baixo do porta filtro para finalizar o processo
  • Sirva em seguida. Enjoy!

Agora, se você quer deixar o seu café em casa ainda mais gostoso? Nós temos alguns utensílios exclusivos para melhorar ainda mais a hora do seu café. São produtos que facilitam na hora de fazer café e ainda trazem um charme para a mesa.

 

 

Receita Fácil de Mocha Gelado com Leite Vegetal A Tal da Castanha

Publicado em Tags , , 1 comentário em Receita Fácil de Mocha Gelado com Leite Vegetal A Tal da Castanha

Você já experimentou um mocha? É uma mistura clássica de café, chocolate e leite, que está no cardápio de várias cafeterias. Mas para adaptar para o verão, fizemos diferente: usamos gelo de café, leite vegetal gelado e chocolate derretido! Uma receita prática e que se encaixa certinho nesse calor.

O ano mal começou e já tem novidade para os nossos assinantes.  Nesse mês de Janeiro, estamos enviando junto com a nossa caixinha um leite de castanha de caju da A Tal da Castanha + um card com esta receita exclusiva! 

Na busca por um consumo mais consciente, esta alternativa vegetal ao leite já faz parte do dia a dia de muita gente. Assim como nós,A Tal da Castanha é movida pelos pequenos agricultores familiares do Brasil. Este leite que você vai receber é feito com apenas dois ingredientes: água e castanhas de caju orgânicas.

Se você ainda não é assinante, acesse aqui para saber mais.

Vamos à Receita? A descrição completa está aqui, mas se preferir, tem um vídeo no final.

Ingredientes

  • 100ml de café coffee&joy congelado
  • 100ml de leite vegetal A Tal da Castanha
  • 100g de chocolate da sua preferência

Como Preparar

  • Prepare o café em casa, como de costume. Aqui tem dicas de como fazer café em casa. Coloque o café já pronto em uma forma de gelo e deixe no congelador por 3 horas ou até congelar. DICA: congelar o café é uma ótima maneira de guardar aquele café que sobre na garrafa para usar usar depois.
  • Coloque o chocolate em um copo e leve ao microondas (ou banho maria) para derreter.
  • Com uma colher, misture o chocolate derretido e espalhe ele em volta do interior do copo.
  • Adicione os cubos de gelo de café.
  • Agite bem o leite para que ele fique com uma consistência cremosa e, em seguida, despeje sobre o gelo de café.
  • Sirva em seguida

Enjoy!

Receita de Café com Leite e Chocolate Derretido – Fácil, Prática, Gostosa e Diferente

Publicado em Tags Deixe um comentário em Receita de Café com Leite e Chocolate Derretido – Fácil, Prática, Gostosa e Diferente

A gente ama brincar com o café e criar receitas irresistíveis. Dessa vez, criamos uma nova receita fácil de café com leite e chocolate. O mais interessante é que, para essa receita ficar mais diferente, a gente usou uma barra de chocolate em cima da xícara.

Dessa forma, a barra de chocolate faz uma “ponte” para colocar o café por cima do dela.  A temperatura do café vai derretendo o chocolate bem devagar. Aos poucos, ela se mistura com o café e… VOILÀ!
Para ficar mais saudável, nós usamos a combinação de leite vegetal e uma barra de chocolate 70% cacau. Mas fique à vontade para usar os ingredientes que você tem em casa!

O café, é claro, usamos um especial, de origem especificada e torra bem fresquinha, que você encontra aqui neste link.

Vamos à receita? Se preferir, assista o vídeo no final do post.

Ingredientes

– 1 barra pequena (100g) de chocolate 70% ou ao leite

– 1 dose (50ml) de café coffee&joy já pronto

– 1 copo (100ml) de leite quente (pode ser o vegetal)

Como preparar

Faça o seu café na hora, como de costume. Aqui tem várias dicas de como preparar um café muito gostoso em casa.

Em uma xícara, coloque a barra de café nas bordas, de forma a fazer uma ponte de um lado ao outro.

Adicione o café quente por cima do chocolate, para que ele derreta devagar.

Por fim, adicione o leite quente, mirando no canto da xícara, para que se misture com o café.

Enjoy!